Portal Expressiva

EVENTOS

Blogs e sites Parceiros

Sessão de negócios reúne[...]

Previsão do Tempo - Epagri/Ciram

Festa de São Pedro com vários atrativos em São José do Cerrito

  • 14-06-2018
  • Padroeiro de São José do Cerrito, São Pedro é reverenciado todos os anos no último final de semana de junho, na praça da Igreja Matriz com uma festa que chega este ano à sua 58ª edição. O bingão com prêmio de R$ 30 mil em dinheiro deverá ser um dos grandes atrativos, como se registra historicamente ao longo dos anos.

    A abertura da festa está programada para dia 28 de junho com três show: Marcos Moraes, Grupo Talagaço e DJ Almir/Ibiza Dance que fará uma noite de flash back. Missa e apresentação do grupo da Terceira Idade e Talentos locais, também estão programados para o primeiro dia da festa, no pavilhão que será montado no pátio da igreja matriz.

    Serão ao menos nove shows durante os dias da festa com destaque para o grupo Estação Fandangueira, que se apresenta dia 30 de junho, no Clube 25 de Julho. Outro grande atrativo será o baile com o grupo Moda Boa após o bingão dia primeiro de julho, no salão paroquial da igreja.

    A festa tem como coordenadores este ano os casais Cláudio Muniz – Maria Aparecida e Marcos Farias – Sônia Aparecida. Ao todo são 19 casais festeiros envolvidos na organização desta que é considerada uma das maiores festas da Serra Catarinense com apelo religioso. “Esta festa é o símbolo da nossa devoção, porque toda arrecadação é em prol da igreja”, disse Cláudio Muniz.

    Uma série de nove novenas são realizadas desde abril até a véspera da festa. Procissão com o padroeiro, apresentações de invernada artística, trilha de motocross e a quinta edição da Cavalgada de São Pedro que mobiliza centenas de adeptos ajudarão a movimentar o evento a partir do dia 28. A programação contempla, ainda, binguinhos, almoço e leilões de animais doados pela comunidade.

     

    A abertura oficial está programada para dia 29 de junho a partir das 19h30min com dois shows. Grupo Netos do Velho e posteriormente Tchê Barbaridade.

    Oneris Lopes 

  • Comentários
  • Diretran informa mudanças no trânsito neste sábado devido a dois eventos

  • 14-06-2018
  • A Diretoria de Trânsito (Diretran) informa que, neste sábado (16 de junho), haverá a sexta edição da Cavalgada do Restaurante e Pesque Pague do Faustão, localizado na rua Protázio Campos, bairro Guadalajara, às 9 horas.

    A Cavalgada terá o seguinte roteiro:

    Saída da rua Protázio Campos, sentido bairro Guadalajara, entrando na Avenida Jucelino Kubtischek, seguindo até em frente ao Motel Fantasia, entrando nas propriedades rurais da região, percorrendo os campos do Tite Paes e saindo novamente na rua Protázio Campos por volta das 14 horas, onde deverá se encerrar a cavalgada com a chegada ao Pesque e Pague do Faustão.

    Trilha do Pinhão

    Outro evento que ocasionará alterações no trânsito é a 11ª Trilha do Pinhão, que será realizada neste sábado (16 de junho), como início às 7h.

    A trilha contará com o seguinte roteiro:

    Fechamento da Avenida Duque de Caxias, a partir das 7 horas, trecho em frente à estátua da Rua Correia Pinto até a sinaleira com a Avenida Belizário Ramos. A interrupção do trânsito se dará para que ocorra a largada promocional do evento com aproximadamente 70 Jeeps.

    A largada ocorrerá às 8h30min, sendo que o comboio seguirá pela Avenida Duque de Caxias até o 1º Batalhão Ferroviário, seguindo a esquerda na Rua Marechal Rondon, rua Coronel Sotero Rocha até a Avenida Luis de Camões, seguindo na Avenida Luis de Camões até acessar a rua João Goulart, chegando na madeireira Pisani, entrando em seguida na trilha.

    Arte: Nathalia Lima

  • Comentários
  • Senafrut conta com mais de 1,2 mil inscritos

  • 14-06-2018
  • O 13º Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado encerrou nesta quinta-feira, 14 de junho, em São Joaquim com mais de 1,2 mil inscritos. Foram 22 palestras que proporcionaram integração, atualização técnica e informação aos fruticultores, profissionais, empresas, instituições e demais pessoas ligadas ao agronegócio de clima temperado.

    Na área científica foram expostos 222 pôsters e destes, oito resumos foram apresentados oralmente durante as palestras. Na parte das exposições, o evento contou com a participação de mais de 50 empresas, através da exposição de produtos, serviços, máquinas e equipamentos agrícolas.

    O coordenador do 13º Senafrut, Marcelo Cruz de Liz comemora o sucesso do seminário. “É com muita satisfação que encerramos mais uma edição deste evento, com a certeza de que nos esforçamos muito para proporcionar um evento de qualidade. Esperamos ter atendido a expectativa dos participantes, proporcionando integração e conhecimento ao todo o setor”, destacou o coordenador.

    Marcelo acrescenta que o apoio dos parceiros e patrocinadores foi fundamental para que o Senafrut fosse realizado com êxito. “Houve muitos esforços, desde toda a equipe da Epagri, como também aos prestadores de serviço que se dedicaram para tornar realidade o seminário”, enfatizou.

    O prefeito de São Joaquim, Giovani Nunes salientou a importância do Senafrut para o município de São Joaquim, contribuindo com o desenvolvimento da fruticultura e também para o turismo. “O seminário dá referência ao município de São Joaquim. Além da contribuição para o desenvolvimento da nossa fruticultura, nossa principal fonte de economia, o Senafrut fortalece a área turística. Durante os três dias de evento tivemos nossos hotéis e restaurantes praticamente 100% lotados. A administração de São Joaquim apoia com a estrutura física porque acredita nesse evento. Esperamos em 2020  trazer inovações para o Senafrut”, afirmou o prefeito.

    O expositor de uma multinacional, Rodrigo Farias Pedroso falou da importância de estar presente no Senafrut. “É impressionante o alinhamento de informações proporcionado pelo evento. Temos contato com toda a cadeia, desde o pesquisador até o fruticultor. Aqui trocamos informações que resultam na criação de novos produtos e novas tecnologias. Estamos satisfeitos, o evento foi fantástico”, ressaltou.

    O fruticultor Rosinei Anselmo que atua no setor há 22 anos reconhece que o evento está melhor a cada ano, proporcionando mais conhecimento aos produtores. “Por meio do Seminário buscamos melhorar nossa produtividade e principalmente, produzir com qualidade, agregando mais valor ao fruto e consequentemente melhorando o rendimento do nosso negócio”, enfatizou o fruticultor.

    O Senafrut é uma promoção da Epagri, Prefeitura de São Joaquim, Governo do Estado de Santa Catarina, Associação dos Engenheiros Agrônomos da Serra Catarinense - Assea, Associação dos Produtores de Maçã e Pera de Santa Catarina - Amap e Embrapa.

     

    Elenise Melo Nunes/Assessoria de Imprensa - 13º Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado 

  • Comentários
  • Meio Ambiente notifica 573 proprietários de terrenos baldios

  • 14-06-2018
  • No período de março de 2017 até maio de 2018 a Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, da prefeitura de Lages, recebeu um total de 516 pedidos de notificações de terrenos baldios, por parte da Ouvidoria Pública do Município, do Ministério Público (MP) e de moradores (vizinhos) que reclamavam das condições de manutenção e limpeza em que os imóveis se encontravam.

    Diante disto, segundo o secretário municipal Euclides Mecabô (Tchá Tchá), os fiscais do Meio Ambiente notificaram um total de 573 proprietários legítimos de imóveis na condição de terrenos baldios sem manutenção e limpeza periódica. “Autuamos além do número de solicitações, pois o número desses imóveis constatado por nosso setor de Fiscalização é expressivo”, salienta o secretário.

    Tchá Tchá enfatiza, ainda, que, “nossa meta não é autuar e multar, mas orientar os proprietários a manterem sempre limpos e conservados os terrenos baldios. Porém, caso isso não surta efeito, notifica-se e o prazo para limpeza do terreno é de 15 dias, isso de acordo com a Lei Complementar número 011/94, que atualiza o Código de Posturas do Município. Passado esse tempo e não atendida a exigência legal, a multa é aplicada de acordo com a metragem do terreno e cobrada e avaliada através de Unidade Fiscal do Município (UFML)”.

    Foto: Toninho Vieira

  • Comentários
  • Técnicos das prefeituras são capacitados para operar o eSocial

  • 14-06-2018
  • Numa parceria da Escola de Gestão Pública Municipal – Egem, Associação dos Municípios da Região Serrana – Amures e Consórcio Serra Catarinense - Cisama, iniciou na manhã desta quinta-feira (14), no Orion Parque Tecnológico, uma capacitação voltada a operação do programa federal eSocial. O sistema é uma ferramenta que reunirá informações de mais de 44 milhões de trabalhadores de todo Brasil.

    Responsáveis pelo setor de Recursos Humanos das prefeituras, contabilistas, auditores, controles financeiro e fiscal, analistas e até advogados que atuam como servidores públicos municipais participam do curso que tem o objetivo de esclarecer como funcionará o novo sistema que será implementado pelo governo como ferramenta de controle do cumprimento das obrigações trabalhistas, previdenciárias, FGTS e Receita Federal pelas empresas.

    O consultor jurídico previdenciário e integrante do grupo do Projeto Piloto na elaboração do eSocial desde 2010, Eraldo Rogério Consorte é quem está ministrando a capacitação. Na primeira parte da manhã ele falou sobre conceito e objetivo do eSocial, sobre as tabelas suportes dos arquivos eSocial; Vínculo entre os arquivos; Qualificação dos Cadastros (CNIS x CPF) e dentre outros assuntos, Sincronismos dos Arquivos.

    À tarde serão abordados assuntos sobre a folha de pagamento; Contratações; Integração e Comunicação entre as áreas envolvidas; Revisão de Procedimentos; Auditorias e Consultorias das Informações e dentre outros temas, o envolvimento dos gestores das áreas produtivas.

    Mais de 50 técnicos das prefeituras participam da capacitação que se estende até ao meio dia desta sexta-feira (15). Entre os assuntos programados, ainda constam: Retenção da Pessoa Física: Contribuinte Individual – Cooperativas – Produtor Rural Pessoa Física e Retenção da Pessoa Jurídica no REINF: Cessão de Mão de Obra/Empreitada de Mão de Obra.


    Oneris Lopes 

  • Comentários
  • Polícia Militar Ambiental desenvolve projeto Puma

  • 14-06-2018
  • Em Lages, a educação ambiental é trabalhada em sala de aula de forma prática e didática. Essa metodologia tem encantado os alunos do 4º ano do ensino fundamental da Escola Municipal de Educação Básica Eduardo Pedro Amaral. O Programa Unidos pelo Meio Ambiente (Puma), da Polícia Militar Ambiental (PMA), começou a ser desenvolvido no município este ano. A atividade faz parte das comemorações dos 20 anos da PMA na Serra Catarinense e tem a pretensão de continuar e ser expandido para outras escolas. 

    As aulas ocorrem na própria escola. Com a soldado Katiane Wiggeres de Melo, responsável pelo programa, os pequenos têm vivido experiências de conscientização ambiental bem curiosas com a oportunidade de conhecer de pertinho espécies felinas encontradas na Serra Catarinense, como o puma e o gato do mato, e ainda, serpentes como a cobra coral e urutu, também originarias da região. 

    Uma aula divertida, curiosa e cheia de conhecimento. “É legal entender o que acontece na natureza”, conta o estudante Felipe Morche de Souza, de 9 anos. 

    A professora do quarto ano, Francinete Spopa Gonçalves, garante que o aprendizado fica mais fácil quando as crianças saem dos livros para ter experiências práticas.   

    O conteúdo é baseado nas cartilhas da Polícia Militar Ambiental da série Nosso Ambiente. Outros conteúdos ambientais também são repassados às crianças através de atividades teóricas e práticas “Eu procuro despertar neles a consciência preservacionista e a importância de analisar os impactos de nossas ações no meio ambiente, especialmente na forma como exploramos os recursos naturais”, conta Katiane.  

    Temas como fauna, flora, água, pesca, agrotóxicos, poluição, lixo, queimadas, unidades de conservação são tratados em 12 encontros. No final, os participantes recebem certificado numa solenidade de formatura. Mas, para isso os alunos terão o desafio de desenvolver uma redação com o tema “Educação Ambiental e Polícia Militar Ambiental”. 

    O autor da melhor redação será conhecido na formatura e como reconhecimento receberá um prêmio surpresa.

     

     

    Por Catarinas Comunicação || Foto: Catarinas e PMA

  • Comentários
  • Sebrae promove sessão de negócios para a cadeia do turismo

  • 14-06-2018
  • Esta será a primeira vez que fornecedores de produtos e serviços e empreendedores do turismo se encontrarão para uma sessão de negócios especialmente para este segmento. O evento faz parte do workshop sobre Identidade Cultural da Serra Catarinense numa promoção do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina. O evento está marcado para o dia 21 de junho, a partir das 14h, no auditório do Centro Tecnológico da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac).

    As inscrições são gratuitas para pessoas jurídicas e podem ser feitas até o dia 19 de junho no site sebrae.sc/sessao-de-negocios ou pelo telefone 0800 57008000.  Na sessão de negócios, as empresas ou os profissionais têm a oportunidade de apresentar seus produtos e serviços a outros empreendimentos. Nesta oportunidade, todas as que se encaixarem na cadeia produtiva do turismo terão condições de mostrar seus portfólios e aumentar a rede de negócios.

    O coordenador regional do Sebrae, Altenir Agostini, destaca que é importante fazer a inscrição antecipada por conta da dinâmica da atividade. “O processo é organizado antecipadamente por um programa de computador para que todos tenham a chance de se apresentar para todos os outros participantes de uma forma rápida e dinâmica”.

    A sessão será realizada numa parceria com a Associação dos Municípios da Região Serrana (Amures).

     

    Palestra com o ex-ministro do turismo   

    Na mesma tarde e local, o Sebrae promove ainda  uma palestra sobre turismo inteligente e cenário econômico para os pequenos negócios com o ex-Ministro do Turismo, Luiz Barretto. Este evento também é gratuito.

      

    Catarinas Comunicação

  • Comentários
  • Uniplac sedia Sessão Real do Tribunal do Júri

  • 14-06-2018
  • O que em novembro do ano passado era apenas um sonho, hoje tornou-se realidade. O curso de Direito da Uniplac, por intermédio do presidente do Centro Acadêmico de Direito (CAD) da Uniplac, Gabriel Krahl, entrou em contato com o titular da 1ª Vara Criminal e Presidente do Tribunal do Júri de Lages, Juiz Dr. Geraldo Corrêa Bastos para trazer algumas sessões do Tribunal do Júri de Lages para a Universidade.

    Em determinado semestre todos os alunos de Direito precisam assistir a um Júri real e apresentar um Júri simulado. Por isso o curso, em parceria com o Tribunal, conseguiu trazer o Júri para dentro da Universidade e facilitar a vida dos alunos.

    Através de uma visita minuciosa, em abril deste ano, Dr. Geraldo Bastos e sua equipe puderam conhecer a estrutura da Uniplac. Após a visita, o CAD e a Assessoria do Juiz fizeram o agendamento da primeira sessão real do Tribunal do Júri na Universidade. A data escolhida foi 12 de junho, última terça-feira, no Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) da Uniplac.

    O auditório ficou lotado por acadêmicos, principalmente, dos cursos de Direito, Medicina e Psicologia.  Para o Presidente do CAD, a oportunidade de ter um evento como esse aproxima a prática ao ambiente universitário. “O Júri na Universidade acaba sendo importante não só para o curso de Direito, como Medicina e Psicologia, pois envolve aspectos da Medicina Legal e também o aspecto psicológico de tentar entender o motivo de o réu ter cometido o crime”, comenta.

    Texto: Vitória Marques Bittencourt / Assessoria Uniplac | Fotos: Fernanda Zanella / Assessoria Uniplac

  • Comentários