Portal Expressiva

EVENTOS

Blogs e sites Parceiros

Programa do Sebrae vai auxiliar na[...]

Previsão do Tempo - Epagri/Ciram

Município irá firmar parceria para Educação de Jovens e Adultos

  • 16-03-2017
  • A Secretaria Municipal da Educação irá firmar nos próximos dias um convênio com o Serviço Social da Indústria (Sesi) de Lages, para a oferta da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Esta modalidade de ensino, para estas pessoas que não tiveram a oportunidade de frequentar os bancos escolares na faixa etária regular da educação básica e de nível médio, já era oferecida em anos anteriores pela rede municipal em sete unidades escolares para 208 alunos.

       A Educação de Jovens e Adultos, na rede municipal, é executada através de projetos especiais. “No final do ano passado não foi previsto a realização do processo seletivo para a contratação destes professores que deveriam atuar nos núcleos da Educação de Jovens e Adultos, e as novas diretrizes impostas pela Lei do Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil foram alguns dos fatores que ocasionaram o atraso no início das aulas. Sabendo desta situação o prefeito Antonio Ceron nos determinou e deu total autonomia de buscar alternativas para este impasse”, explica a secretária municipal da Educação Valdirene Vieira.

       As aulas da Educação de Jovens e Adultos são realizadas no período da noite e toda a estrutura funcional de uma unidade escolar como: merendeiras, segurança, entre outros serviços ficam disponíveis para o andamento dos trabalhos pedagógicos. “Este é um investimento significativo e que não será interrompido pela rede municipal. O nosso grupo técnico buscou alternativas para reaver esta modalidade de ensino”, salienta a secretária.

     

    Parceria com o Sesi

     

       Há mais de 20 anos o Sesi oferece a Educação de Jovens e Adultos. A qualidade no ensino e a busca pela excelência são marcas conhecidas da instituição.

       De acordo com a secretária Valdirene Vieira, o convênio está sendo estudado pela Procuradoria Geral do Município (Progem) e assessoria jurídica do Sesi. Após assinatura, de ambas as partes, quem passa a ministrar as aulas com todo plano pedagógico é a equipe técnica do Sesi. “Vamos entrar em contato com os nossos 208 alunos para informar das readequações. Após este processo efetivamos o convênio para que se iniciem imediatamente as aulas”, exemplifica Valdirene.

  • Comentários
  • Empresário Saul Brandalise realiza palestra em Lages

  • 16-03-2017
  • O empresário Saul Brandalise realiza nesta quinta-feira, 16, palestra gratuita com o tema: "As cinco leis para alcançar a riqueza". O evento que é organizado pela Associação da Prosperidade da Seicho-No-Ie de Lages acontece às 20 horas no Map Hotel - Salão Veneza.

    Esta será a segunda palestra do ciclo de eventos sobre a prosperidade que estão acontecendo em Lages. A primeira palesta foi realizada na semana passada e contou com a presença do presidente Nacional da Associação da Prosperidade da Seicho-No-Ie do Brasil, Douglas Eduardo Botelho. Cerca de 200 pessoas estiverem presentes.

    As palestras tem como objetivo auxiliar os empresários e empreendedores da cidade e região a conquistarem prosperidade e sucesso seguindo os ensinamentos da Seicho-No-Ie.

    Mais informações pelos telefones: 9969-0505, 9914-5486 e pelo e-mail prosperidadelages@gmail.com.

  • Comentários
  • Emenda de Carmen mantém aposentadoria especial para trabalhador em área de risco

  • 15-03-2017
  • A deputada Carmen Zanotto (PPS-SC) apresentou, na comissão especial que analisa a Reforma da Previdência (PEC 287/2016), uma emenda que garante a manutenção da aposentadoria especial de 25 anos por tempo de serviço para os trabalhadores cujas atividades são exercidas sob condições prejudiciais à saúde, como exposição a agentes químicos, físicos e biológicos, locais insalubres, entre outros.

     
    A emenda de autoria da parlamentar recebeu o apoio de 179 parlamentares. Oito a mais do que as 171 necessárias para a apresentação de propostas que alteram o texto constitucional.
     
    A iniciativa beneficia também os profissionais da área de enfermagem: enfermeiros, técnicos, auxiliares de enfermagem e obstetrizes. A aposentadoria especial é tipificada pela Lei 8.213/91, que dispõe sobre o Plano de Benefícios da Previdência Social.
     
    Os profissionais da área de enfermagem representam um total de 1.948.083 trabalhadores brasileiros, de acordo com a Federação Nacional dos Enfermeiros.
     
    Na justificativa da emenda, Carmen argumenta que a enfermagem é exercida por 85,1% de mulheres. Esses profissionais, geralmente, são submetidos à dupla ou tripla jornada de trabalho. A deputada lembra ainda 24,7% destes mantêm carga horária de trabalho entre 41 e 60 horas semanais.
     
    “Essa emenda faz justiça a esses trabalhadores , que são expostos a riscos biológicos, físicos, químicos, ergonômicos e psicológicos. Eles exercem a função em ambiente insalubre e, muitas vezes, de alta periculosidade”, reforça parlamentar.
     
    Para ter direito à aposentadoria especial, é necessário que o segurado comprove, por meio de laudo técnico, o tempo de trabalho permanente, não ocasional nem intermitente, em condições especiais que prejudiquem a saúde ou a integridade física, como exposição a agentes nocivos químicos e biológicos, entre outros.
     
    A proposta de Carmen Zanotto garante que o benefício corresponda a 100% da média dos salários de contribuição e das remunerações utilizadas com base nas contribuições do segurado.
     
     
    Fonte: Portal PPS
    Foto: Agência Câmara

  • Comentários
  • Servidores públicos municipais de SC em marcha contra retirada de direitos

  • 15-03-2017
  • Pelo segundo ano consecutivo a abertura do Congresso Catarinense de Municípios, realizado em Joinville pela Federação Catarinense e Associações Regionais de Municípios, foi marcada pela manifestação de centenas de servidores(as) públicos(as) municipais de todas as regiões do estado.

     

    Com organização da Federação dos Trabalhadores Municipais de Santa Catarina (Fetram), as manifestações ocorridas na terça-feira (14) fizeram parte da 2ª Marcha dos(as) Trabalhadores(as) Municipais de SC.

     

    O ato de protesto dos(as) servidores(as) no serviço público municipal 
    denunciou a ofensiva contra os direitos dos(as) trabalhadores(as) em curso no Brasil, e particularmente em algumas cidades catarinenses. Empunhando faixas, cartazes, bandeiras e distribuindo uma Carta Aberta aos prefeitos, vices e gestores municipais, os(as) presentes entoaram o lema “contra arrocho fiscal e salarial, nós lutamos e dizemos: nenhum direito a menos”.

     

    Durante a marcha as várias manifestações de dirigentes sindicais foram unanimes em repudiar as Reformas da Previdência, Trabalhista e as tentativas de retiradas de direitos ocorridas em algumas cidades catarinenses, como Maravilha, Florianópolis, e mais recentemente, Jaraguá do Sul, que inclusive encontra-se em greve como forma de resistência.

     

    Em sua fala, o presidente da Fetram, Lizeu Mazzioni, evidenciou que “Estamos aqui para manifestar nossa posição contrária a reforma da previdência, a idade mínima dos 65 anos, os 49 anos de contribuição. Somos contra a reforma trabalhista que quer a terceirização em todas as áreas, o negociado contra o legislado e o fim da jornada máxima de 8 horas. Contrários ao congelamento dos investimentos públicos e as políticas recessivas do governo Temer. E que iremos resistir a todos os pacotes de ajuste fiscal e arrocho salarial que estão sendo propostos por algumas prefeituras”.

     

    Greve Geral

    A Fetram e seus sindicatos filiados estão engajados na mobilização da Greve Geral realizada em todo o país no dia 15 de março. Atos contra a Reforma da Previdência serão realizados em diversas cidades catarinenses com a paralisação dos servidores municipais.?

     

     

    Direção Fetram-CUT/SC

  • Comentários
  • Movimento Vem Pra Rua será dia 26

  • 15-03-2017
  • O Coordenador do Movimento Vem Pra Rua da região Serrana, Luís Aurélio Viapiana Paes, participou da reunião da diretoria da Acil, realizada nesta semana (13/03). Ele falou sobre o III Encontro Nacional de Líderes do VPR que ocorreu na cidade de São Paulo no último final de semana e convocou os empresários para participarem das manifestações programadas para o próximo dia 26 de março. 

    Segundo Luís Aurélio, o encontro Nacional de Líderes contou com palestrantes de alto nível que focaram, principalmente, em dois temas: o combate à corrupção e a renovação política. Ele falou que o movimento está cada vez mais estruturado e tendo o apoio de notáveis do mundo jurídico e empresarial.

     Na reunião da Acil, o coordenador deixou o convite para que os empresários continuem participando do movimento que combate, principalmente, a corrupção. O próximo dia de manifestações do Vem Pra Rua será no domingo do dia 26 de março. Em Lages a concentração será na Praça Joca Neves, das 9h até meio dia. 

  • Comentários
  • MORPHOS é tricampeã no futebol do SESI

  • 15-03-2017
  •  

    Na noite de terça feira (14) o complexo do SESI no bairro Gethal foi palco de mais uma decisão do futebol de verão dos industriários. Competição muito bem organizada pelo Miguel tendo como coordenadora a Patrícia.
    O jogo foi muito bem disputado e com muita técnica. A Morphos fez 2 a 0 no primeiro tempo com 2 gols de Fio. No 2º tempo a Klabin A, perdeu 3 chances claras e como quem não faz toma, Adriano Dutra de pênalti e Paleta fecharam a goleada de 4 a 0. 
    Muito boa a arbitragem de Maikon Carneiro com Sandro Plauda e Daiane Madeira, mesária foi a Rosinha. Foram dois artilheiros com 6 gols: Paleta da Morphos e Felipe da Klabin A. A Morphos é tricampeã do futebol sesiano.

  • Comentários
  • Festa Nacional do Pinhão 2017 é uma edição especial

  • 14-03-2017
  • Daqui a pouco mais de dois meses Lages vai virar festa. Neste ano tem muitas novidades e a 29ª já é uma edição especial. Site e redes sociais estão completamente remodelados e a programação traz os melhores shows do país. A saída de ônibus de diversas partes do estado e do Rio Grande do Sul como transporte oficial é mais uma inovação para colocar a Festa do Pinhão no topo das maiores de Santa Catarina. 

    No planejamento da Gaby Produtora, organizadora do evento, a meta é a oferecer uma festa melhor a cada ano. E esse caminho passa por algumas mudanças e melhorias. Com uma nova cara na página oficial do Facebook, a rede alcançou mais de 120 mil seguidores e atingiu cerca de três milhões de pessoas. 

    No novo site  www.festadopinhao.com, que está totalmente remodelado com design moderno e mais informativo, o usuário pode tirar suas dúvidas sobre horários, transporte, onde hospedar-se, comprar ingressos, conhecer toda a programação e informações sobre desconto de ingressos para estudantes e outros beneficiados. 

    As atrações nacionais foram escolhidas sob medida para todos os públicos. A Gaby e a GDO trabalharam juntas por seis meses na composição do maior casting de artistas jamais visto na Festa Nacional do Pinhão. Em breve, a lista de artistas estará completa com a contratação de atrações locais e da região. 

     

    Valorização do artista local

    O diretor da Gaby, Beto Ody, diz que a administração municipal tem apoiado e contribuído com sugestões importantes. Uma das solicitações do prefeito Antonio Ceron é que haja mais participação dos lageanos na festa. “Ele propôs que fizéssemos alguns dias com ingressos mais populares e pediu maior apoio para artistas da região. A indicação da Fundação Cultural de um staff  com experiência na Festa do Pinhão fará nosso trabalho mais eficiente e mais qualificado”.   

    O próximo passo, para completar a programação e com o auxílio da FCL, será a contratação dos artistas locais e regionais. A Sapecada da Canção e da Serra Catarinense, outra grande atração da Festa, continuam sob a regência Fundação de Cultural, assim como o Recanto do Pinhão, no centro de Lages. 

     

    Transporte Oficial da Festa do Pinhão

    A Gaby firmou parceria com as empresas Unesul e Ouro e Prata para fazer o Transporte Oficial da Festa do Pinhão.  O usuário vai comprar seu ingresso e no mesmo site ou ponto de venda poderá adquirir a passagem subsidiada de ida e volta em ônibus moderno e confortável com WI-FI, ar condicionado e toalete a bordo. 

    O transporte sairá das maiores cidades de Santa Catarina e Rio Grande do Sul com passagem por inúmeras cidades intermediárias. O veículo chegará e sairá do Parque Conta Dinheiro. No local será criado um receptivo especial.  

    “Com o Transportador Oficial vamos dar oportunidade para que todos os catarinenses e gaúchos visitem a Festa Nacional do Pinhão com segurança e conforto”, avalia Beto.   

     

    Texto: Catarinas Comunicação / Fotos: Nilton Wolff 

  • Comentários
  • Transferida audiência pública referente ao Marco Regulatório da Sociedade Civil

  • 14-03-2017
  • Foi transferida a audiência pública, marcada para a próxima quarta-feira (15), referente ao Marco Regulatório da Sociedade Civil e a regulamentação da Lei 13.019/14. O cancelamento dos debates é devido à incompatibilidade de agendas de sindicalistas, vereadores e responsáveis pelo Poder Executivo.  A proposição é do vereador José Amarildo Farias (PT) e nova data deverá ser agendada para que a comunidade e as entidades participem e possam debater as novas regras que determina a lei. 

    No fim da tarde desta terça-feira (14), o prefeito Antonio Ceron baixou os decretos 16.721/2014 e 16.724/2017, onde o primeiro deles dispõe, entre outros artigos, sobre as normas gerais para as parcerias entre a administração pública municipal e as organizações da sociedade civil. O segundo decreto institui uma Comissão Especial para acompanhar a orientação e implementação no âmbito municipal do marco regulatório, composta por representantes da Progem e das áreas de Assistência Social, Educação, Saúde, Cultura e Esporte do município. 

     O vereador irá acompanhar o trabalho da comissão formada e convocará uma nova audiência. “Entendemos que essa transferência é necessária para que a Comissão Especial tenha tempo para dar os devidos encaminhamentos aos assuntos relacionados ao Marco e apontem soluções para as entidades. Precisamos debater a lei para que as entidades encontrem uma maneira de se adequarem e possam participar do chamamento público sem prejuízos,” disse Amarildo.

  • Comentários