Portal Expressiva

EVENTOS

Blogs e sites Parceiros

Comitiva divulga XXI Festa da[...]

Boletim previsão do tempo para[...]

Simproel empossou diretoria para a gestão 2019/2022

  • 11-02-2019
  • A posse da diretoria que comandará o Sindicato Municipal dos Profissionais em Educação do Município de Lages, o Simproel, até o início de 2022, aconteceu na noite de sexta-feira (15), no auditório do CCJ da Uniplac, com a presença de associados e autoridades.

    A presidente Elaine Moraes, e a vice Carmen Camargo, foram empossadas para o segundo mandato.

    Em seu discurso, Elaine falou sobre a importância de cada membro da diretoria. “Aceitei esse desafio porque sei que não estarei sozinha. Contarei com o apoio de todos que aceitaram dividir essa responsabilidade comigo”.

    A presidente também reiterou o compromisso de dar voz às demandas da categoria. "Minha função é cumprir o estatuto, as deliberações das assembleias gerais e da diretoria administrativa".

    A solenidade foi presidida pelos representantes da União Geral do Trabalhadores (UGT) no Planalto Serrano, Airton José Neves de Oliveira, e Sônia Maria Goulart Carnevalli. 

    Breve Histórico

    O Simproel foi fundado em 1997 para representar os profissionais da educação do município de Lages. Nessas duas décadas de existência, a instituição vem batalhando por valorização, reconhecimento e respeito à categoria, através de várias ações marcadas na história. 

    Assessoria de Comunicação

  • Comentários
  • Lançamento da 6° Vindima de Altitude em Florianópolis

  • 18-02-2019
  • O Prefeito Giovani Nunes, dirigiu-se à Florianópolis, na noite desta quinta-feira (15/02) para o lançamento da 6° Vindima de Altitude. O evento ocorreu na sede do Sebrae/SC e contou com a participação de figuras importantes do cenário da vitivinicultura da Serra Catarinense. Entre eles, José Eduardo Bassetti, Presidente da Associação Vinhos de Altitude e proprietário da vinícola Villagio Bassetti e o Presidente da Comissão Organizadora da Vindima, Acari Amorim, proprietário da Quinta da Neve. A presença da Rainha da Vindima, Daniele Oliveira, também abrilhantou o evento.

    A festa que celebra a colheita, se populariza cada vez mais na região e atrai pessoas de todo o lugar do Brasil. Mostra, assim, o grande potencial do enoturismo na Serra Catarinense. O terroir privilegiado da região encanta os especialistas e surpreende os apaixonados pelo vinho. E, para a alegria e comemoração em grande estilo, a expectativa é de uma excelente safra. Além de que, esse ano, celebra o 20° aniversário das primeiras mudas plantadas na altitude da Serra Catarinense.

    A Prefeitura de São Joaquim, sendo uma das apoiadoras do evento, oficializou o convite à comunidade, através do Prefeito Giovani Nunes: “Muita alegria em poder estar aqui, fazendo este convite para a 6° Vindima e valorizando este pilar da nossa economia que é o vinho. Esta festa agrega muito para nossa região. O nosso munícipio possui uma história antes do vinho e após o vinho. Agradecemos aos nossos produtores de vinhos finos de altitude pela coragem e determinação. O resultado não poderia ser diferente. Vinhos excelentes e já considerados os melhores do Brasil”, enfatiza o Prefeito.

    Motivos de sobra para comemorar, resultaram numa programação diferenciada e cheia de novidades. A 6° Vindima de altitude, terá sua festa aberta ao público e gratuita na Praça Cesário Amarante, no Centro de São Joaquim. A abertura acontecerá na sexta-feira (01/03) e contará com atrações culturais, amostras e degustações dos vinhos da região. As vinícolas, ainda possuem suas programações individuais, durante o mês de março. Tudo indica, que será um mês movimentado na região, além de uma maneira alternativa de carnaval, que tende se popularizar pelos próximos anos.

  • Comentários
  • Executivos representantes da Berneck discutem tópicos referentes ao acesso de veículos à empresa na BR-116

  • 17-02-2019
  • Avanços foram estabelecidos em uma reunião na prefeitura com assuntos específicos relacionados aos bastidores do processo de instalação da filial de uma das mais vultuosas marcas do segmento madeireiro no Brasil, a Berneck S.A. Painéis e Serrados. Nesta quarta-feira (13 de fevereiro) estiveram reunidos, com parte do colegiado da prefeitura, os representantes da Berneck S.A., gerente de Projetos, Sílvio Novelli, e o gerente administrativo, João Junir Sena, em Lages, para receber informações sobre as mais recentes tratativas realizadas entre a Autopista Planalto Sul, concessionária da rodovia BR-116 e representantes da prefeitura, quanto ao andamento do processo que irá viabilizar o acesso a nova fábrica da Berneck, à margem da 116, próximo à ponte sobre o rio Caveiras. A reunião foi acompanhada pelo prefeito Antonio Ceron; procurador-geral do Município, Agnelo Miranda, e pelos secretários de Planejamento e Obras, Claiton Bortoluzzi, e de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô (Tchá Tchá).

    O encontro se justificou devido ao grande fluxo de caminhões que irão circular para atender à Berneck, cerca de 400 veículos, distribuídos em 300 de matéria-prima e 100 de produto acabado. No período de obras haverá movimentação de pessoas alocadas e entrega de materiais e movimentação de máquinas pesadas de terraplanagem, assim como recebimento de diversos contêineres com equipamentos importados para a construção da linha de MDF.

    Os representantes da Berneck enfatizaram a necessidade de agilizar a construção do acesso, sinalização e contenção de tráfego para que haja segurança durante a edificação da fábrica. Também foi recebida de forma positiva a notícia da assinatura de documento pelo prefeito Antonio Ceron, a ser encaminhado pelo representante da Autopista e que deverá ser protocolado na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), formalizando o pedido para início das tratativas das homologações, liberação e autorizações dos projetos do trevo de acesso marginal junto ao Governo Federal, que serão imprescindíveis aos trâmites. “Estamos em conversações para alinhar as demandas da empresa junto aos projetos, estudos e viabilidade. O contato entre a empresa e a prefeitura vai ficando cada vez mais estreito, em nome do desenvolvimento e da empregabilidade”, lembra o prefeito.

    Há poucos dias, representantes do colegiado da prefeitura estiveram em Brasília em tratativas com a ANTT, na presença também da presidência da entidade, deputada federal Carmen Zanotto, senador Esperidião Amin e o diretor superintendente da Autopista, Antonio Cesar Ribas Sass, quando alguns encaminhamentos foram definidos para o andamento organizado do cronograma de atividades, sem transtornos à implantação do empreendimento. “A Autopista é a concessionada pela ANTT para fazer a gestão de todo este trecho da 116 interferido pelas obras, por isto deve estar atenta a todos os aspectos, como questões de liberação de tráfego e conhecimento da ampliação do volume de veículos que irão trafegar neste trecho, e possa incluir estas informações em seus estudos e futuras adequações e obras na rodovia. Há todo um esforço que está sendo envidado pelo colegiado do Município e hoje (quarta) esta reunião dá sequência às ações, um encontro interno de ajustes para aparar algumas arestas”, salienta o vice-prefeito Juliano Polese.

    R$ 800 milhões em investimentos e 550 empregos

    A mega unidade de Lages terá como produto final a fabricação do volume de 500 mil metros cúbicos de MDF por ano e 400 mil metros cúbicos ao ano em serrados. A maioria, 70% da produção de MDF, será destinada ao mercado interno regional e nacional, e o restante ao mercado externo - países da América do Sul, Estados Unidos e China. O mercado de serrados varia, mas estima-se que 80% sejam direcionados para exportação a diversos países, principalmente China. O foco de mercado é a indústria de móveis, construção civil, automotiva, eletrônica, e embalagens.

    Na unidade de co-geração a ser implantada junto à indústria, a potência de consumo será de 20 megawatts e geração de 30 megawatts. De água serão consumidos 18 metros cúbicos por hora. O fluxo de caminhões será de 376 ao dia (recebimento de toras, toretes, biomassa e resina; almoxarifado e diversos, e expedição de cinzas, serrados e de painéis).

    Com investimentos de R$ 800 milhões na estrutura física com quase 99 mil metros quadrados, a terceira unidade do grupo deve gerar 550 empregos diretos. A Berneck tem filiais em Curitibanos e Araucária (PR). O barracão principal deve estar pronto até final de 2019, período de chegada dos primeiros exemplares de equipamentos. Aí em diante há o prazo de mais oito meses para montagem. No final de 2020, com quase 100% concluídos, pois a serraria ficará para junho de 2021, o grande negócio estará em operação embora de forma parcial. 

    Texto: Daniele Mendes de Melo / Fotos: Toninho Vieira

  • Comentários
  • Leoas se apresentam para a temporada de competições 2019

  • 17-02-2019
  • Na apresentação à imprensa do time campeão de futsal Leoas da Serra, para a temporada 2019, às 9h45min desta sexta-feira (15), na Uniplac, estavam presentes as cinco novas jogadoras que chegaram a Lages para reforçar a equipe que mira na conquista do Mundial da categoria. As Leoas vencedoras da Copa Libertadores poderão jogar com o Atlético Navalcarnero, equipe espanhola campeã europeia.

    A expectativa para este confronto é que aconteça através de partidas no Brasil, possivelmente em Lages e na Espanha. Ainda não há definição para a realização desta final mundial de futsal.

    Mas o que já está certo é a participação das Leoas na Copa dos Campeões, reunindo os times vencedores dos três Estados do Sul (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul mais o Distrito Federal, Brasília), já marcado para o Ginásio Jones Minosso, em Lages, de 28 a 31 de março. Igualmente está definida a ida das Leoas para Santiago do Chile (representando a Uniplac) para o Campeonato Sul Americano Universitário, de 22 a 29 de abril.

    Outra novidade apresentada para a temporada 2019 foi o novo design do uniforme da equipe, no qual se destaca a marca do time (patinhas). A atacante Amandinha (melhor do mundo) não compareceu à apresentação do time, pois teve de viajar para comparecer ao velório da avó.

    Time ganha reforço

    As cinco novas atletas, já integradas ao time das Leoas da Serra para a temporada 2019, são Duda Bene Vanessa (de Belém do Pará), Petuxa (de São Paulo), Bárbara (do Rio Grande do Norte) e Gislaine (de Curitiba-PR). Deixaram a equipe Bia e Madu (goleiras), Pelé, Mira e Julinha (alas).

    Texto: Iran Rosa de Moraes / Fotos: Iran Rosa de Moraes e Fom Conradi/Divulgação

  • Comentários
  • Abertura dos jogos abertos de São Joaquim

  • 17-02-2019
  • Aconteceu na noite de quarta-feira, 14 de fevereiro, a abertura oficial do JASJ, Jogos Abertos de São Joaquim, no ginásio de esportes Juraci Santos. Ao todo, onze equipes estão participando dos tradicionais jogos, contando com várias modalidades coletivas e individuais.

    Na abertura, estavam presentes o Prefeito Giovani Nunes, o secretário de educação Fabiano Padilha, o diretor de esportes Roberto Luiz Fernandes Jr, o Betinho, além de outros secretários, diretores e atletas, esses, os protagonistas do evento.

    Todos os atletas se posicionaram dentro da quadra para participara da abertura oficial, cantar o Hino Nacional e ver a entrada do principal símbolo do esporte, a tocha olímpica e o acendimento da pira olímpica. O Atleta e professor de Futsal, Paulo Lemos, o Gibi, conduziu o fogo do esporte e ovacionado pelo público acendeu o fogo do esporte.

    Para o ano de 2020, o Prefeito Giovani Nunes, destacou em entrevista, que a Fundação Municipal de Esporte entrará em vigor: “A Fundação terá grande importância, pois dará uma maior liberdade e um orçamento que o esporte realmente merece”, concluiu o Prefeito.

    Muitas são as pautas referente ao esporte. Uma das mais importantes, envolve melhorias no estádio Municipal José Leão Dutra. Adequação das arquibancadas, reestruturação dos muros e melhorias nos vestiários, são algumas das necessidades que serão supridas em breve.

    Além de fomentar ainda mais o esporte amador da cidade, o JASJ, dá uma maior visibilidade para todas as questões importantes e necessárias que cercam o nicho.

  • Comentários
  • Defesa Civil realizará treinamento com voluntários neste sábado

  • 14-02-2019
  • Intempéries climáticas, catástrofes naturais e uma infinidade de situações que colocam a vida em risco podem acontecer a qualquer momento. E para garantir a integridade e bem-estar dos cidadãos, o Município dispõe de uma equipe afinada, que compõe a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil. Para reforçar ainda mais o contingente, voluntários foram convidados a integrar esta equipe. O treinamento destas pessoas será realizado neste sábado (16 de fevereiro), das 8h às 13h.

    A equipe irá percorrer alguns bairros da cidade, fazendo simulações reais de ocorrências. Portanto, a comunidade não precisa se preocupar caso se depare com um aglomerado de pessoas, aparentemente em situação de risco. “Vai parecer real, mas tratam-se apenas de simulações, pois quanto mais perto da realidade, melhor será o treinamento”, diz a gerente, Mayara Rafaeli Lemos.

    Os voluntários são servidores da prefeitura, entre efetivos e comissionados, que se dispõe a estar de sobreaviso caso aconteça alguma eventualidade em que uma ajuda extraordinária se faça necessária. “O objetivo da ação é capacitar estes voluntários para que durante uma ocorrência de eventos climáticos extremos, em que seja necessária a ajuda de mais pessoas, estes sejam convocados e saibam como agir”, comenta Mayara.

    A Defesa Civil conta com 12 servidores, coordenados pelo secretário executivo Jean Felipe Silva de Souza. Ao todo foram chamados 20 servidores para atuar como voluntários. Eles poderão auxiliar os agentes especializados da Defesa, mas não serão, em hipótese alguma, expostos a riscos, e somente poderão manusear alguns dos equipamentos após serem orientados durante o treinamento.

     

    Texto: Aline Tives / Fotos: Arquivo

  • Comentários
  • Turismo e Assistência Social estudam ação conjunta na Serra Catarinense

  • 14-02-2019
  • Secretários municipais de turismo participaram na tarde desta quarta-feira (13), da primeira reunião do ano para tratar sobre ações a serem executadas em 2019. Na pauta o Novo Mapeamento Turístico Brasileiro; Feiras e Eventos de Turismo; Plano de Ordenamento Territorial; Levantamento Turístico e dentre outros assuntos, o Progredir que consiste em promover a integração de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família, em ações relacionadas ao turismo.

    A reunião no auditório da Amures foi coordenada pela assessora de turismo Ana Vieira com participação do assessor de Assistência Social Lauro dos Santos. O que explicou ele é que na Serra Catarinense estão inscritas no Bolsa Família 11 mil famílias que se enquadram no Progredir. “Este programa federal é voltado exclusivamente a beneficiários do Cadastro Único, seja para pequenos negócios, artesanato, qualificação de mão de obra ou cursos de qualificação profissional”, observou.

    Segundo Lauro dos Santos, o Progredir tem orçamento de até R$ 3 bilhões por ano em microcrédito para as famílias do Cadastro Único. “A ideia desse programa é fazer com que essas pessoas saiam da situação de vulnerabilidade social”, frisou. Esta sincronia entre turismo e assistência social será aprofundada nos próximos meses.

    Coordenado pela Secretaria de Inclusão Social e Produtiva do Ministério do Desenvolvimento Social, o Progredir tem três eixos de atuação: Intermediação de Mão de Obra, Cursos Profissionalizantes e Empreendedorismo.
    Oneris Lopes 

  • Comentários
  • Feira do Peixe Vivo será nesta sexta e sábado no bairro Habitação

  • 14-02-2019
  • A primeira edição do ano da “Feira do Peixe Vivo - No meu Bairro” será realizada nesta sexta-feira e sábado, dias 15 e 16, das 9h às 18h, ou enquanto durar os estoques, contemplando o bairro Habitação e todo seu entorno. A montagem das barracas para a comercialização será próximo à raia do Jóquei Clube, mesmo local onde ocorreu no ano passado.

    O projeto é realizado pela Secretaria de Agricultura e Pesca, em parceria com a União das Comunidades Rurais de Lages (Unir). Os peixes serão comercializados a preço único de R$ 12,50 o quilo. Os produtores participantes da Agricultura Familiar estarão disponibilizando cerca de 600 quilos de peixes, das espécies carpa húngara, carpa capim, carpa prateada, carpa cabeça grande, jundiá, tilápia e algumas outras espécies que porventura se encontrem no viveiro.

    Foto: Arquivo

  • Comentários